A Democracia ou é conveniente ou é negra?

Factos: 1. A JSD lançou um outdoor, e este Blog, em que denuncia as mentiras de José Sócrates e o incumprimento de promessas políticas e eleitorais do candidato e governante José Sócrates.

2. Nessa denúncia e crítica política ao comportamento de José Sócrates, a JSD utilizou uma linguagem simbólica, adoptando a figura do Pinócrates.

3. O primeiro dos outdoors tinha duas mensagens essenciais de Oposição: (i) José Sócrates não merece a confiança dos Portugueses porque lhes mentiu no incumprimento total de promessas eleitorais e governativas que fizera; e (ii) o caso da promessa falhada de criação de empregos é uma das mais graves dessas mentiras de José Sócrates.

4. Primeiro o Ministro SS, e depois o visado José Sócrates “indignaram-se” com a campanha por ser um inaceitável ataque pessoal.

5. A história do PS e das campanhas dos mesmos José Sócrates e Santos Silva estão repletos de exemplos de linguagens simbólicas em que dirigentes do PSD foram retratados de forma caricaturada. vejam-se várias criações do Partido Socialista e do seu Acção Socialista aqui, aqui, aqui, e aqui.

Comentário:

Porque não acreditamos que seja esquizofrenia que levou Sócrates e SS a considerarem inaceitável o mesmo  tipo de acção política simbólica de oposição que eles próprios usaram,

e porque não queremos suspeitar que esta reacção de Sócrates e SS é puro fingimento e vitimização para distrair os portugueses,

só nos resta a interpretação de que Sócrates e SS têm uma concepção de democracia de conveniência!

É básico em Ciencia Política que o processo democrático envolve/exige do lado da Oposição, quer fiscalização e crítica, quer  propostas políticas. A democracia mais básica aceita e exige que a Oposição critique, ataque politicamente, e denúncie o desempenho dos Governos e a sua incapacidade para cumprir o programa eleitoral e as promessas políticas. Exige, também propostas da Oposição, mas não só.. a crítica e denúncia política são condição e hábito essenciais de uma Democracia… normal!

Para Sócrates e SS a democracia e o valor da crítica política só existem quando lhes é conveniente…. quando não é… a democracia e o exercício de oposição transformam-se em Negros!

Por falar nisto.. será que quando eles falaram em Campanha Negra estavam a sugerir o estado dos olhos daqueles que levaram a “porrada” que o Ministro SS queria dar a outros agentes políticos?

Porque é que Sócrates e SS recusam, se indignam, e fingem dor quando os opositores atacam politicamente…? e porque é que dizem que as palavras críticas dos opositores não valem, por serem críticas (e ainda não propostas)…?

provavelmente porque na cabeça de José Socrátes só faz sentido essa Democracia de conveniência em que a Oposição está proibida de criticar… basicamente o que eles dizem é que a Oposição (só) pode fazer propostas, mas nunca criticar… porque para eles, se a Oposição alguma vez o fizesse já não seria oposição, mas uma campanha negra.

A Oposição deve ser isso mesmo, e Fiscalizar e Denunciar. E o uso da linguagem simbólica, como aqui, é tantas vezes decisivo para ter resultado… lembre-se o sucesso das linguagens simbólicas, ainda que polémicas, das campanhas publicitárias da Benetton contra o racismo, dos activistas do Greenpeace, das mulheres que desfilavam e eram fotografadas nuas para combater o uso de peles animais. Toda a história mostrou a força, utilidade e eficácia do uso de simbolos… como é o Pinócrates!

Mas, talvez seja por ser tão eficaz que José Sócrates e SS querem banir a linguagem simbólica que não lhes é conveniente! mas só essa (porque quando é, não deixam de a usar)! para José Sócrates, à excepção dos símbolos elogiosos, a linguagem simbólica não é conveniente e, por isso… não deve existir!

A JSD reafirma sempre e bem alto a importância da liberdade de criticar, fazer denúncia política… i.e., fazer Oposição! Todos podem e devem pronunciar-se sobre o desempenho do governo, os seus sucessos, e os seus fracassos!

Para a JSD, democracia deverá existir sempre! mesmo naquele debate democrático que nos convém menos.. o qual deverá continuar a existir para bem do País, e para melhoria da qualidade das decisões e desempenhos!

José Sócrates quer uma democracia de conveniência… que só exista quando lhe convém… em que se pode vitimizar e fingir sempre que quiser silenciar divergências… mas, uma democracia que assim for… não é nada!!

Já agora vale muito a pena ouvir isto!

Anúncios

12 comentários

Filed under Uncategorized

12 responses to “A Democracia ou é conveniente ou é negra?

  1. Rodrigo

    E também é democracia censurarem comentários que vão contra o que vocês defendem?

    Que bela imagem meus senhores.

  2. Rodrigo

    Essa realmente teve piada.
    Acreditando ou fingindo acreditar que houve um erro quanto à aceitação do comentário que enviei há dias relativamente ao post anterior, reenviá-lo-ei.

  3. Rodrigo

    É engraçado como a apresentação deste blog à imprensa começa com uma referência a outra Jota, o cartaz foi um aproveitamento do caso “freeport”. Será que não sabem ter ideias originais. Avançar por vocês? Sem utilizar outras instituições?

    Ah, desculpem, diz que têm alguma originalidade. Colocando camelos e cartazes irónicos?
    E apresentar propostas concretas? E formar verdadeiras opiniões políticas? E pensar num futuro para Portugal e para os jovens portugueses?

    Deixem-se de oportunismos políticos e de brincar à política e comecem a fazer algo útil (ou pelo menos deixem quem sabe fazê-lo).

    De salientar ainda o facto da moderação aos comentários ter sido retirada.

  4. Sofia

    Só um reparo ao nível da formatação: podiam justificar os textos? Alinhado à esquerda não fica nada bem. (Tanto estética como politicamente…)

  5. PPS

    Esse comentário não precisava de moderação dos autores do blogue, mas sim um pouco de moderação do autor do post. Há diversas formas de brincar à politica, uma delas pode ser, por exemplo, substituir o debate de ideias pela arte de “malhar” nos outros… O que se espera das juventudes partidárias é que sejam activas, participativas mas que não sejam subservientes… devem manter a mesma atitude crítica e irreverente independentemente de quem exerce o poder. Acontece que, desde o inicio da governação de Sócrates que parece existir a tentativa de silenciar as vozes críticas e que divergem das políticas governativas, daí que ainda bem que ao menos estes jovens conseguem criticar e denunciar as promessas falhadas e a expectativas goradas criadas por milhares de jovens portugueses que confiaram na palavra do 1º Ministro.

  6. Rodrigo

    Ninguém diz que não se denuncie, apenas se apela para outro tipo de campanhas que não atinjam directamente os candidatos (e isto vale para partidos e jotas), e para a apresentação de alternativas pois só assim se poderá mudar algo.

    Crítica sim mas com coerência.

  7. Excelente. Este texto não deixa dúvidas nenhumas, mesmo aqueles que por vezes “não querem ver”.

    Gostaria que os media também dessem destaque ao que a JSD tem a dizer, como isto.

    Em vez de andar sempre a passar as imagens de vitimização de Sócrates, e as imagens da falta de sentido democrático de SS.

    Força JSD. Keep up the good work.

  8. Meus Caros,

    Essa do pinócrates está genial. Só agora soube dela e vim cá ter.

    É isso mesmo que se espera da juventude, irreverência e inteligência.

    O País e os Portugueses agradecem.

    Cumprimentos,
    Paulo

  9. João Lima

    Caro Luis Melo
    Sentido democrático é respeitar os outros, mesmo que tenham ideias contrárias às nossas e não prosseguir numa politica de achincalhamento.
    Então se te fizessem crer desde o inicio que eras homossexual, vigarista, corrupto e outras coisas mais, isso significaria que a tua defesa não era mais do que vitimização?
    Tem dó.
    Como diz o outro “vai fazer é alguma coisa de útil para a sociedade”.
    João Lima

  10. As jotas sempre funcionaram de forma irreverente e nada formatada a politicos mal humorados.Também foi assim na minha juventude, força JSD o PSD precisa de vós.
    um abraço de Porto de Mós.

  11. Caro João Lima,

    Podes chamar-me homossexual, vigarista, corrupto e outras coisas mais. Não me incomoda nada. Não tens factos que o provem.

    Eu, e a JSD, temos factos que provam que Sócrates mentiu e por isso é comparável ao pinóquio. Disse em campanha que faria coisas e, não só não cumpriu, como fez o seu contrário.

    Agora não me podes é chamar cobarde. Eu escrevo e dou a cara. Ao contrário de outros…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s